terça-feira, 2 de junho de 2009

Mil pontos

Ao chegar ao céu, um homem soube que teria que destacar as coisas que ele achava importantes para poder entrar. "Você precisará de mil pontos para ser admitido" - observou o anjo guardião.
"Isso deve ser apenas uma formalidade" - pensou o homem - "eu estive envolvido na igreja desde criança." Escola Bíblica, jovens, diretoria e comissões. Ele havia participado de tudo na igreja. A lista dele era extensa. "Impressionante" - disse o anjo. O outro anjo comentou:
"Bem, você está muito acima da média. Nós raramente recebemos pessoas que conseguem somar tantos pontos por suas obras. Você já somou 327 pontos! Lembra de mais algumas coisas que podemos somar?"
O pobre homem começa a suar frio e se esforça ao máximo para lembrar mais laguma obra de bondade. Conforme ia citando mais algumas, o anjo assistente as escrevia e acenava com a cabeça em sinal de admiração. O primeiro anjo então olhou novamente oara o placar e disse: "Você tem um total de 402 pontos agora. Mais alguma coisa?"
O sujeito, aflito, se esforça para recordar outras boas ações. Lembrou ainda que ajudu uma senhora idosa a atravessar a rua, e outras pequenas ações. Com isso, chegou finalmente a um total de 431 pontos, e começou a gritar: "Eu estou perdido! Não há nenhuma esperança para mim! O que mais eu posso fazer além de implorar por sua misericórdia!"
"ISSO!!" - exclamou o anjo - "Reconhecer que os seus esforços e suas ações não lhe garantem a vida eterna vale mais de mil pontos. Para entrar no céu, você precisa se arrepender e confiar em Jesus, que morrei por nós na cruz."
Nada do que fazemos pode nos dar o perdão dos pecados e a vida eterna. Só Jesus é o Caminho que nos leva à morada celestial.

(Autor C.H. - Retirado do devocionário '5 minutos com Jesus' da CPTN)

Um comentário:

Roseli de Araujo Gomes disse...

Bom dia Karen!!
Amei esse texto!!